TRE-SE registra primeiro peticionamento feito pelo PJe

TRE-SE registra primeiro peticionamento feito pelo PJe

TRE-SE LANÇAMENTO PJE CLIP SITE

No final do mês de maio, o Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE) implantou o PJe, Processo Judicial Eletrônico. Com ele, os processos judiciais que tramitam pela Casa deixarão de estar na forma física e passarão a ser digitais.

Hoje, 13 de junho, a Corte Eleitoral registrou primeiro peticionamento feito através da nova ferramenta: um processo administrativo de requisição de servidor feito pelo juízo da 4ª Zona Eleitoral, cujo relator será o Presidente do TRE-SE, Des. Ricardo Múcio Santana de Abreu Lima.

O Secretário Judiciário, Marcos Vinícius Linhares Constantino da Silva, que compõe a comissão de instalação do sistema no Tribunal, lembra que, apesar de disponível, o PJe ainda não é uma ferramenta obrigatória.

“Os processos judiciais do TRE-SE ainda podem ser feitos por meio físico, da maneira tradicional. Mas a partir de agosto o uso do sistema eletrônico passará a ser obrigatório nos peticionamentos de 22 classes processuais”, informa o Secretário.

Ainda segundo Marcos Vinícius, o TRE-SE dá acesso a tutoriais de uso do aplicativo através de seu site, mas também haverá apoio aos advogados que não tiverem familiaridade com o sistema.

 Vantagens do PJe

Criação do CNJ em parceria com outros Órgãos, o Processo Judicial Eletrônico, por sua natureza digital, garante uma série de benefícios ao Judiciário como um todo. Contribuir para a celeridade processual, promover a economia de recursos materiais e financeiros, além de possibilitar que os usuários acessem os processos de qualquer local são alguns dos benefícios trazidos pelo sistema.

Últimas notícias postadas

Recentes

Des. Ricardo Múcio participa do Colégio de Presidentes dos TREs

No evento, foram eleitos, por aclamação, os novos titulares do aludido colégio. Assumiram o Des. Márcio Vidal, do Mato Grosso: presidente; a Desa. Regina Ferrari, do Acre: vice-presidente; e o Des. Carlos Eduardo da Fonseca Passos, do Rio de Janeiro: primeiro-secretário.